terça-feira, julho 03, 2007

Um dia cheio de lembranças e reencontros...

Eu tive muitas experiências interessantes durante o dia de hoje.

Estreei minha capa de chuva (carinhosamente apelidada de "escafandro"). Agora, pode cair o mundo que eu não ligo - e o mundo efetivamente caiu, comigo indo para o trabalho. A quantidade de gringo que entrou para trabalhar parecendo que caiu no canal foi notável... :-)

O trabalho foi sossegado, o rítmo anda puxadinho, mas assim é que é bom, que eu não me chateio. Não ter tempo para resmungar do trabalho é a melhor coisa que eu posso fazer.

Durante a tarde eu tive uma oportunidade de falar com uma amiga que me disse que eu sou muito complicado... eu fiquei pensando naquilo, e acho que ela pode estar certa. Alguém aí acha que eu sou muito complicado também? Podem por favor comentar em quê? Eu me senti muito complicado a partir do momento que não consegui decidir uma coisa simples como esta...

Não consegui estudar holandês hoje, outra vez. Estou ficando chateado, agora eu sou o "perdido" da sala... preciso voltar a tentar pegar firme. O curso novo vai começar em breve, e eu vou gostar de saber mais holandes antes de começar o curso. :-( Estou um pouco desanimado...

No final da noite, conversando com o Fernando Freitas, que agora está na gringolândia, em uma cidade chamada Orem, UT, muitas lembranças boas, muito papo tecnológico e muitos comentários inteligentes. :-) Ele continua o mesmo cara fantástico que eu conheci na ETFSP... faz quantos anos? Eu acho que foi em janeiro de 1993-4. Faz mais de 10 anos, já... :-) Feliz aniversário, Fernando...

Agora eu vou deitar e tentar ler um poquinho para dormir. O livro da vez é o "The Hitchhiker's Guide to the Galaxy", que eu estou quase terminando.

É tudo, por hoje. Amanhã tem mais.
Boa noite.

Um comentário:

Igor Sutton disse...

Olha... Tu és um pouco complicado sim... Complicado e chato de conversar às vezes, por ser detalhista demais...

Tens que relaxar um pouco e deixar as coisas se ajeitarem, dando uma de $deity e ver a natureza agir, sem se estressar e achar que as coisas precisam ser 100% estritas.

Mas, no final das contas, mesmo sendo chato de vez em quando ;-) és um ótimo amigo :-)

Grande abraço e *relaxa*!

Ah, a Marina tá mandando um beijo :-D