sábado, março 22, 2008

Páscoa em Casa

Minha páscoa foi sossegada. Eu fiquei em casa, já que tinha como convidados a Ann Barcomb e o Bastiaan Jacques, os meus amigos holandeses mais antigos.

Estranho para todo mundo (e possivelmente vai ser o assunto do ano aqui em Amsterdam), nevou a páscoa inteira, praticamente sem parar, da sexta-feira santa até a segunda-feira (que aqui também é feriado).

Está sendo diferente ficar tanto tempo longe, e, ao mesmo tempo, educativo, também.

Eu tenho descoberto outros valores, outras culturas, outras formas de ver a vida e as coisas.

Tenho encontrado gente (e idéias) novas, tenho visto posições políticas e ideológicas completamente diferentes de tudo o que eu conheço, e tenho tido oportunidades de fazer coisas que eu normalmente não gosto (como responder emails de suporte técnico).

Em resumo, eu tenho tido muito tempo de auto-reflexão e muita informação nova para acrescentar ao meu modelo mental do mundo e da vida. Isso me tem feito crescer em termos de sabedoria e entendimento, além da clássica barriguinha que me persegue ;)

Tem sido páscoa todos os dias, para mim.

Nenhum comentário: